fbpx

Entenda as funções da indústria ao varejo

Inscreva-se em nossa newsletter

Compartilhe este artigo.

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Vamos entender pra comprar melhor?

O fabricante produz e vende ao atacadista que tem a função de vender ao varejista.

Por que a fábrica não vende direto ao varejo?

Simples. O atacadista, por vezes, é responsável pelo acondicionamento do produto. Geralmente, essas operações ocorrem entre empresas de uma holding (empresas de um mesmo grupo).

Imagine uma indústria de cosméticos que produz e envia os produtos para que o atacadista embale em lotes.

Essa mesma empresa se encarrega de vender aos varejistas.

Os estabelecimentos atacadistas também possuem depósitos para que a operação de redistribuição aconteça ao varejo.

Atacadistas costumam se estabelecer em endereços mais afastados em vias de acesso à outras cidades, enquanto os varejistas estão situados dentro dos bairros, próximos das residências.

Um atacadista também pode ser uma empresa que apenas compra os produtos de empresas terceiras e os revenda sem, necessariamente, pertencer a um grupo de empresas.

Grandes grupos de varejo também criam suas centrais de distribuição (CD) com o objetivo de centralizar as compras e distribuir para as filiais. Nesses casos, não há vendas para terceiros. Há apenas distribuição. A atividade do CD é de atacadista.

A função básica do atacado é intermediar o comércio entre o fabricante e o varejista.

Diferença de preços

Com relação ao preço praticado pelo atacadista, este será um pouco menor que o praticado pelo varejista para que este último possa agregar sua margem de lucro.

Importante ressaltar que atacadistas não tem permissão legal para vender a consumidores finais, uma vez que vendem com a finalidade de revenda e não para consumo próprio.

E os atacarejos?

É muito comum em nosso bairro encontrarmos uma distribuidora de bebidas, de gás liquefeito…

Do ponto de vista legal, se esses estabelecimentos atendem exclusivamente a consumidores, exercem a função de varejistas e se realizam as duas atividades, qual seja, atacarejo, praticam preços distintos e atendem a públicos distintos.

Como distinguir as vendas a consumidores ou a revendedores?

O tipo de operação a ser informada na nota fiscal distingue a destinação da venda.

Conclusão

Planeje a quem sua empresa vai atender. A atividade exercida pela empresa é constantemente monitorada pelos órgãos de fiscalização em razão da nota fiscal eletrônica e, obviamente deve ser planeja.

Clique no link abaixo e

Receba nossas dicas de gestão

Este texto foi escrito por Sueli Angarita.

Receba nossas atualizações de conteúdo

Mais artigos para ler...

gestaodeestoque
Sueli Angarita

A importância do CMV na gestão financeira

Entender o CMV e essencial para a gestao financeira da loja. Conceito financeiro do CMV? O Custo da Mercadoria Vendida – CMV representa quanto custou

Operações de abate de gado pelos supermercados
varejo
Sueli Angarita

Supermercado: abate de gado

EQUIPARAÇÃO A ESTABELECIMENTO INDUSTRIAL Caracteriza-se como fato gerador do IPI – Imposto Sobre Produtos Industrializados “… a saída do estabelecimento industrial diretamente para estabelecimento da

O que trava os resultados do seu supermercado?

Como podemos ajudá-los?

Siga-nos

© Varejo Simplificado - CNPJ: 07.315.647.0001/51 - Todos os direitos reservados